Arquivo de Novembro, 2009

26
Nov
09

2001: A Space Odyssey

Hoje vou voltar a falar de cinema… mas ao invés de falar de elevadores homicidas, extra-terrestres electricistas, monstros no armário e piranhas voadoras assassinas… vou falar de um dos grandes clássicos cinematográficos de todos os tempos.

Confesso que fico algo preocupado (e triste) quando me apercebo que existe muite gente que desconhece o marco de ficção científica, “2001: A Space Odyssey” de Stanley Kubrick de 1968.

O filme de Kubrick é para muitos, um dos melhores filmes de todos os tempos e foi baseado nas obras de Arthur C. Clarke, “The Sentinel” e “2001: A Space Odyssey”, e lida com questões como a tecnologia, evolução humana, inteligência artificial e vida extraterrestre. È um filme importante a nível cultural, historico e estético e analisa a evolução da Humanidade, desde a aurora do homem, onde surgem os primeiros primatas capazes de usar instrumentos, efectuando de forma bastante brusca um avanço de milénios para o espaço colonizado onde o homem tornou-se prisioneiro dos seus próprios instrumentos, tendo que lutar com os mesmos para a sua própria sobrevivência. No final o homem enfrenta um último desafio, que o levará à imortalidade.

A película tem cerca de 150 minutos (o valor altera-se com as diferentes versões do filme), prescinde de diálogos em favor de imensa informação visual, tendo apenas 40 minutos de diálogo, que só surge após a meia hora de filme, o que faz com que grande parte do filme seja passado ao som de música clássica, ou em silêncio, tal como no espaço, onde não existe propagação do som, ou então ouvindo o som da respiração do ser humano dentro do fato espacial. O filme tem sempre presente um destes elementos, mas nunca existe uma conjugação entre estes elementos. O resultado de toda esta conjugação é algo de único, e raras vezes visto no cinema, remetendo-nos a uma realidade desconhecida e deixando-nos perplexos com a grandeza do universo. O facto de o filme ter uma forte componente visual, permite que a nossa imaginação especule sobre os diferentes significados sobre o que estamos a ver. Isto faz com que as pessoas tenham sensações diferentes a ver o filme, tirem conclusões diferentes com o mesmo, e que captem novos pormenores a cada nova visualização, tornando esta obra de Kubrick como uma das mais interessantes e controversas do cinema. Com um estatuto de obra de culto, o filme de Stanley Kubrick passou a ser objecto de estudo a nível escolar, tal como ainda é amplamente discutido pelas comunidades virtuais.

Trailer:

Vão a um videoclube, saquem da net, aproveitem quando ele der na TV… mas vejam este filme porque vale a pena e tem efeitos especiais que passado mais de 40 anos… ainda fazem corar de vergonha muitas produções actuais.

P.S: Este filme foi feito no mesmo ano que o “The Green Slime” (post: 16 Janeiro 2009)… e vejam bem as (gritantes) diferenças de qualidade e de bom gosto…

P.S.2: Um “sincero” pedido de desculpa ao “The Green Slime”… mas tu e o “De Lift” (post: 5 Janeiro 2009) estão sempre a levar (in)directas no meu blog… mas vocês também se meteram a jeito… ne?

________________________________________________________________________

Para ver mais textos longos sobre filmes… seleccione: Categoria –  Casual Cinema

Anúncios
25
Nov
09

Sports Bunny

A healthy way to end his life…

24
Nov
09

High Tech Bunny

Another creative attempt to end his life… (21th century version)

23
Nov
09

Danger Bunny

A creative attempt to end his life…

18
Nov
09

Tiradentes FC

Não me vou alongar muito sobre o Sporting e a sua nova equipa técnica… a qual desejo as melhores felicidades desportivas 🙂

Hoje vou falar de uma potêncial contratação para o Reino do Leão….!!! Existem rumores de que o Sporting poderá estar interessado no jogador Wanderson… que joga no poderoso Gais de Gotemburgo. Ainda não é jogador de selecção A, mas existem rumores de que clubes como o Ajax e o Chelsea estão na luta pela sua contratação.

Eu tenho ideia de que o jogador esteve para ir para o AC Milan neste defeso… mas julgo que chumbou nos rigorosos testes médicos daquele clube (acho que tinha um problema nos dentes…). Seja como for, julgo que após a remoção de dois dentes… o jogador deixará de ter problemas dentários… :p

Ao analisar a foto… é impossivel não reparar na sua dentadura (julgo que o AC Milan o dispensaria dos seus rigorosos testes dentários), mas existe uma outra particularidade interessantissima deste jogador… é que ele começou a jogar futebol no Tiradentes.

Para quem não sabe (e estou apenas a especular…) o Tiradentes FC é uma tirana e maléfica equipa de futebol  que tira os dentes aos seus atletas quando os resultados/rendimentos desportivos não correspondem ao esperado…! Julgo que isso explica esta fotografia na perfeição… 🙂

P.S: acho que interessa mencionar que este jogador realizou 65 jogos, marcou 23 golos e fez 13 assistências neste grande colosso Europeu que é o Gais de Gotemburgo.

P.S.2: Estou a ser mau para o Wanderson… é que ele tem os dentes todos… aquilo é uma pastilha elástica. Mas a foto está brutal… LOL

P.S.3: Isto foi mesmo um post da treta…

11
Nov
09

Robert Enke 1977-2009

Robert Enke teve o azar de passar pelo Benfica e pelo Barcelona em periodos negros da respectiva história desses clubes… mas não tenho dúvidas em afirmar que foi dos grandes guarda redes que passou pelo Benfica (e por Portugal…).

Ele tinha um jeito especial para defender penalties (o Paok Salónica que o diga…)

733e0967821556721Foto: Robert Enke no Hannover 96 (em cima) e quando da sua passagem pelo Benfica (em baixo)

03
Nov
09

Ser Sportinguista… o que é? (em Novembro 2009)

Dizem que é “Um modo diferente de estar na vida!”…e nos dias de hoje chega a ser algo profundamente inquietante. Eu fui o primeiro Sportinguista que conheci, pois a minha familia e amigos eram todos o Porto e Benfica. Posso dizer que não sou de determinado clube por influência de alguem… foi algo que eu senti (contra pressões e seduções para não ser do Sporting…).

Sporting

Hoje… com 27 anos e após 2 campeonatos, 4 taças, 5 supertaças e incontaveis desilusões (alguma delas verdadeiramente traumatizantes)… interrogo-me… mas porque é que sou Sportinguista?

É claro que esta pergunta torna-se ainda mais pertinente quando me lembro de cenas como uma final da UEFA perdida em casa (na mesma semana q se perdeu o campeonato), 12-1, 3-6, alguns 1-4 em derbis (e até contra o ultimo classificado… como foi à dois anos em Leiria), e muitas outras cenas tristes…!

T-shirsv - Sporting

Eu encontrei este texto em alguns blogs/foruns do mundo Sporting… e acho que talvez me ajude… (os meus comentários estao entre parêntesis)

Ser Sportinguista é uma doença incurável. (Nos dias de hj… só uma pessoa doente é que é do SCP)
É mais do que gostar de futebol (praticado pelas outras equipas…) ou de um clube, é um sentimento irracional, misto de orgulho (???…LOL) e de sensação de pertença (do BES), é em tudo semelhante a uma paixão que nos faz sofrer intensamente (concordo plenamente). São memórias e heróis de infância tingidos de verde (Eu quando nasci… o SCP já não tinha heróis… mas tlvz o Miguel Garcia seja um herói…).
Sim, para ser Sportinguista é preciso saber sofrer (já temos um Doutoramento nessa matéria), mas ser Sportinguista é saber amar… amar de uma forma tão intensa que não da sequer para explicar… É deixar
tudo para trás (normalmente são pontos…), porque hoje joga o Sporting e “eu tenho que ir ver”…
Porque perder um minuto que seja de um jogo do Sporting dói mais que a dor mais profunda (acho que dá é anos de vida…), porque ver o nosso Sporting sofrer um golo é desesperante (desesperadamente normal), porque festejar um golo não tem explicação (realmente… não sei como reagir quando vir o Postiga marcar um golo…), porque a emoção de uma vitória não se explica em simples palavras… (é em golos pessoal… é em golos…) Porque ser Sportinguista não é ser único…
Porque ser Sportinguista é ser eterno (sofredor…)
AMO-TE SPORTING! (realmente tem mesmo que ser AMOR…)

leão com vergonha

Actualmente o SCP vive dias conturbados… e muitos pedem a cabeça do Forever & Cª. Eu aprecio o Paulo Bento… e acho que o problema é a falta de qualidade da equipa, pois metade do plantel do Sporting não tem qualidade para representar um candidato ao título. Deixo aqui uma musica para toda a familia Sportinguista (Dirigentes, Forever e restante equipa técnica, jogadores, adeptos)… HAPPY TOGETHER (com o Forever)!!!

Saudações Leoninas




RECOMENDAÇÕES

Visitem a categoria: CASUAL CINEMA
Novembro 2009
S T Q Q S S D
« Out   Dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

My Twitter Space